13 Março 2012

Doce de laranja doce

A receita deste doce vem com um atraso de um ano. Pelo menos.. Na altura, a correria do momento impediu que o registasse em fotos. E baralhou-me os cálculos mentais deixando uma por contar (coisas que a gravidez poderia, quiçá, explicar.. desculpa Helena..). Voltei a fazê-lo algum tempo depois impelida pela promessa de o publicar e partilhar a receita.

Eu pessoalmente não sou fã do tradicional doce de laranja amarga mas gostei deste, com o doce e o amargo equilibrados.
A Suzana publicou, por essa altura, uma receita de doce de laranja doce onde explica algumas diferenças entre este e o doce feito com laranjas amargas.


E vocês, preferem-no mais doce ou mais amargo?

Photobucket



Doce de laranja doce
Ingredientes:
1 kg de laranjas doces (usei do Algarve)
Sumo de 1 limão grande (ou 2 limões pequenos)
açúcar mascavado claro
açúcar branco
3 chávenas de água
2 paus de canela

(t): Lave bem as laranjas e seque-as.  Descasque duas laranjas com ajuda de uma faca afiada, de forma a retirar apenas a casca laranja. Reserve. Retire toda a pela branca e reserve também.  
Corte as laranjas restantes ao meio. Esprema o sumo de todas as laranjas e coloque uma panela alta. Com uma colher escave o interior das cascas. Coloque tudo (juntamente com a pele branca e caroços das outras duas laranjas) num pedaço de musseline e ate com fio de cozinha de modo a obter uma boneca.
Corte as cascas reservadas em tirinhas finas. Coloque na panela juntamente com o sumo de limão, a água e a boneca (ate-a a uma pega do tacho). Leve a lume brando durante cerca de 40 minutos, até que as cascas estejam macias. Retire a boneca e deixe-a arrefecer. Esprema bem a boneca para dentro do tacho. Meça todo o líquido em chávenas e junte a mesma quantidade de açúcar mascavado e branco (50/50). Leve novamente ao lume e junte os paus de canela. Vá mexendo até o açúcar se dissolver e deixe ferver durante cerca de 30 minutos. Tenha atenção durante este processo e verifique o ponto do doce algumas vezes. Coloque uma colher de sobremesa de doce num prato frio, deixe arrefecer ligeiramente e passe o dedo pelo meio traçando uma linha limpa. O doce estará no ponto quando a linha se mantiver desenhada. Se o doce voltar a cobrir o prato deixe reduzir mais uns minutos e vá testando o ponto de 5 em 5 minutos.
Quando estiver no ponto retire do lume. Rejeite os paus de canela e deixe arrefecer. Coloque o doce em frascos esterilizados e bem secos, cubra com papel vegetal e tape os frascos.
Photobucket
Notas:
- Receita adaptada desta do Simply Recipes;
- Use um tacho alto para evitar que o doce derrame já que quando começar a ferver o doce vai borbulhar e subir;
- A canela é opcional, pode não usar.

07 Março 2012

Quinoa com molho cremoso de abacate e ervas

Têm chegado às dezenas. Aos três e quatro de cada vez. E ainda verdes, pois não amadurecem na árvore. Ficam maduros em poucos dias e há que dar largas à imaginação para encontrar fórmulas mágicas que dissimulem o seu sabor. É verdade que (ainda) não consigo gostar dele ao natural mas quando os combino com outros ingredientes, tornam-se perfeitos aliados das minhas refeições.
 
Já o usei em pão, bolos e doces, molhos, sumos e batidos e em saladas. Como esta que hoje partilho. Foi das combinações que mais me satisfizeram e já a repeti muitas vezes variando as aromáticas. Experimentem! Eu sei que o abacate não é o fruto mais apetecido mas vale a pena dar-lhe uma oportunidade. : )


Ingredientes (para 2 pessoas):
 
1 chávena de quinoa
1 requeijão
1 abacate
1 dente de alho pequeno
sumo de 1 limão
1 colher de chá de tomilho-limão fresco
1 colher de sopa de coentros frescos picados
folhas de agrião q.b.
sal e pimenta preta q.b.

(T): Lave a quinoa e coza-a em duas chávenas de água. Deixe arrefecer.
Com um garfo esmague
a polpa do abacate. Esmague o dente de alho e junte ao abacate. Tempere com o sumo de limão, as ervas aromáticas, o sal e a pimenta. Junte o requeijão e misture tudo muito bem. Envolva o molho de abacate com a quinoa e salpique com as folhinhas de agrião.

Photobucket

Notas:
- Este molho também acompanha muito bem um esparguete cozido;
- Já experimentei também com orégãos frescos e salsa.

05 Março 2012

Bolo de batata-doce assada com laranja e especiarias

Sim, a amizade sabe-me (também) a bolo. Por tantos momentos de risos, conversas e boa disposição partilhados com bolo. Com bolo carinhosamente feito a pensar nesses momentos.
Imaginei que esta mistura de sabores potenciasse uma tarde quente e solarenga e acertei. E mais que isso, o aroma deste bolo e a cobertura que lhe juntei arrancaram tantos sorrisos que afianço com toda a certeza: “a amizade sabe a bolo!”.

Obrigada a todos pelo dia tão bem passado, em especial a ti, Sofia e família.

Photobucket


Bolo de batata-doce assada com especiarias
com cobertura de caramelo e nozes pecãs



Ingredientes para as batatas-doces assadas:
3 batatas doces de Aljezur
Sumo e raspa de 1 laranja
1 colher de chá de canela
1 colher de sopa de azeite


Ingredientes para o bolo:
Puré de batata doce assada
3 ovos médios
¾ chávena de óleo de girassol
1 chávena de açúcar mascavado claro
1 colher de café de mistura de especiarias
1 colher de chá de extrato de baunilha
1 ½ chávena de farinha com fermento
1 pitada de sal


Ingredientes para a cobertura:
60g de manteiga sem sal
90g de açúcar amarelo
4 colheres de sopa de natas
1 pitada se sal
1 chávena de nozes pecãs tostadas no forno

(T): Prepare as batatas-doces. Lave-as, descasque-as e corte-as em cubos grandes. Coloque-as numa assadeira, junte o azeite, o sumo e a raspa da laranja e a canela e envolva muito bem. Leve ao forno a 180º durante cerca de 30 minutos (verifique se estão cozidas com a ponta de uma faca). Deixe arrefecer fora do forno e esmague-as com um garfo dentro da assadeira. Reserve.
Mantenha o forno ligado. Toste as nozes para a cobertura enquanto prepara o bolo. Coloque-as no tabuleiro do forno sobre uma folha de papel vegetal e leve-as ao forno durante 5 minutos. Deixe arrefecer e pique-as grosseiramente com uma faca.
Bata o puré de batata-doce com o óleo até obter uma mistura homogénea. Junte o açúcar e bata por mais 4 minutos. Junte os ovos, um de cada vez, e bata entre cada adição. Misture as especiarias e a baunilha na massa. Com uma colher de pau envolva a farinha com o sal na massa até estar tudo bem agregado. Leve ao forno numa forma de bolo inglês untada e polvilhada com farinha durante cerca de 50 minutos (mantenha-se atenta para não queimar a superfície do bolo e no fim do tempo teste a cozedura com o teste do palito).
Deixe arrefecer na forma enquanto prepara a cobertura.
Leve ao lume a manteiga com o açúcar durante alguns minutos até obter um caramelo dourado escuro. Retire do lume. Junte as natas em fio, o sal e mexa bem. Leve ao lume por mais 4/5 minutos. Retire do lume e envolva as nozes. Deixe arrefecer ligeiramente.

Desenforme o bolo, coloque-o num prato de servir e cubra-o com o caramelo com nozes.

Photobucket

Dicas: - Asse as batatas-doces de véspera de forma a que se intensifique o seu sabor.

Notas:- Não gostei muito da consistência da cobertura, não ficou tão fluída como eu queria. Na próxima acho que vou reduzir a quantidade de manteiga.